Clube

A NOSSA HISTÓRIA

A 24 de Junho de 1917 um grupo de cinco homens fundou um clube ao qual deram o nome de União dos Empregados do Comércio e Indústria de Setúbal. Em plena República, num momento histórico de relevo para o país e para o mundo, a utopia do associativismo genuíno e romântico, presidia ao nascimento de um projecto cujos mentores, de seu nome Mário Gonçalves Pacheco, seu irmão António, José Mendes Nunes, Ildefonso Garrudo e Francisco dos Santos, traziam para a luz do dia com entusiasmo um clube para a cidade, 7 anos após o nascimento do Vitória Futebol Clube

 


INSTALAÇÕES

Estádio

Trazida pela mão de pioneiros, anos antes para Portugal, a paixão do futebol marcou inevitàvelmente o percurso desportivo inicial do "Comércio e Indústria". Constituídas as primeiras equipas com parcos recursos e vontade indomável em jogos de âmbito regional e, mais tarde, na zona da capital, onde pontificavam "teams" de maior valia, em competições particulares. Reza a história que o primeiro campo, apelidado "dos Arrojados", se situava no Rio da Figueira, paredes meias com o hoje lendário campo dos Arcos onde jogava o rival Vitória de Setúbal. Anos mais tarde em fase de crise económica, e por consequência desportiva,  tornou-se incompatível a manutenção naquele espaço. Com o apoio solidário de António Almeida Alves, unionista convicto, com vínculos de atleta e dirigente da colectividade, e de Luís Faria Trindade, director do jornal "O Setubalense", o Comércio e Indústria usufruiu de um contrato firmado com António de Sousa Maximiano, proprietário dos terrenos do campo da Bela Vista, localizado no Bairro Baptista, à data recentemente perdido pelo Bonfim Futebol Clube.
Aos dias de hoje o União mantém o direito conferido de uso para fins desportivos deste recinto, cujo piso foi alvo de obras de arrelvamento no ano de 1997, durante o mandato camarário de Manuel da Mata Cáceres e de construção de bancadas na década de 1970.


NOSSA MISSÃO

O União Futebol Comércio Indústria 1917 tem como missão nuclear ser uma instituição ativa em termos sociais ao promover e difundir a prática desportiva, cultural e lúdica junto da comunidade em que se insere, proporcionando a todos os seus atletas uma educação cívica e desportiva de referência, em particular no futebol,ao formar e potenciar os jovens jogadores da formação no intuito de munir a equipa sénior do clube.


NOSSA VISÃO

Visão

O União Futebol Comércio Indústria pretende, no respeito pelo passado e tradição do Clube centenário, reconquistar um nível desportivo superior por intermédio de uma estratégia de organização e planeamento visando a melhoria e o desenvolvimento de competências individuais do perfil da equipa técnica e metodologia de treino, acompanhamento médico, nutricional e psicológico e colectivas no que diz respeito ao número de equipas e crescimento do número e qualidade dos praticantes.  

O União Futebol Comércio Industria pretende obter o estatuto de sucesso e de prestígio a nível distrital e nacional procurando melhorar e crescer num processo contínuo e estruturado.

Valores

* Ética desportiva
* Promoção do respeito entre agentes desportivos
* Espírito de conquista e superação
* Desenvolvimento de competências sociais e técnico-tácticas
* Compromisso colectivo
* Rigor e exigência nos objectivos

 


ORGÃO SOCIAIS

  • Nenhum orgão social cadastrado.

ESTATÍSTICAS

3

JOGADORES

0

GOLS

3

VITÓRIAS

1

TROFÉIS


O NOSSO PALMARÉS

PATROCINADORES